Como criar um app envolvente – 5 dicas que todos os apps de sucesso usam

Sep 24, 2020 By Junior About Web

(BR) Conheça alguns truques que você pode utilizar no seu app para torná-lo mais envolvente, ou conheça para não cair nesses truques.

Entenda como usar psicologia e até estratégias de cassino para criar um app envolvente. O celular mostra em média 63 notificações por dia, em média, a maioria não tem importância, mas mexe com seu cérebro.

Conheça alguns truques que você pode utilizar no seu app para torná-lo mais envolvente, ou conheça para não cair nesses truques.

Use Notificações – cada pessoa recebe em média 63,5 notificações de aplicativos por dia. Elas raramente são importantes; mas mesmo assim saltam na tela e/ou fazem o smartphone vibrar. Com o tempo, se tornam um hábito – e deixam o usuário em estado de alerta permanente, sempre na expectativa de quando chegará a próxima. Para saber mais sobre hábitos clique aqui.

Use Recompensas variáveis em 1957, o psicólogo B.F. Skinner, da Universidade Harvard, constatou que recompensas inconstantes (que surgem de forma irregular) eram mais eficientes para condicionar o comportamento dos animais. O smartphone explora isso: ao abrir um app, procure não deixar o usuário saber quantas unidades de conteúdo (textos, fotos, vídeos, posts, mensagens) ele vai mostrar. Para saber mais.

Gamificação Alguns aplicativos incorporam elementos de jogo, estimulando o usuário a somar pontos, ganhar medalhas ou completar “missões” – que consistem em navegar mais, clicar mais, ou simplesmente usar o app por mais tempo. Elas não trazem nenhum benefício concreto; são só um truque para prender a atenção.

Os aplicativos poderiam atualizar automaticamente seu conteúdo (tuítes, mensagens, etc.) assim que ele fosse chegando ao smartphone. Mas nem sempre fazem isso: em muitos casos, você tem de puxar a tela para baixo e soltá-la para dar o update. É como se estivesse puxando a alavanca de uma máquina de caça-níqueis dando a Ilusão de controle para o usuário.

Timeline algorítmica por que o Instagram (e diversos outros apps) mostram a você determinados posts, e ocultam outros? O algoritmo escolhe o que é mais interessante para você. Mas os critérios que ele emprega nunca são divulgados; e, portanto, você não tem como saber o que deixou de ver. Isso gera a compulsão de usar mais e mais o app, para não correr risco de perder algo importante. Use isso a seu favor.

Claro que não basta usar estas dicas sem planejamento e entender o que seu usuário espera do seu aplicativo ou serviço, para isto entenda como as grandes empresas mapeiam os anseios dos seus clientes usando Design Thinking neste artigo: Como a Apple usa o Design Thinking?

Esse artigo foi escrito por Anderson Balduíno.

Para saber mais:

Smartphone – o novo cigarro Leia mais – Revista Superinteressante

Como criar um app envolvente – 5 dicas que todos os apps de sucesso usam – DTFacil.com

Junior